• Porbarbara julian
  • Publicao:dez 05, 2013
  • Categoria:Sem categoria
  • Tags:

Reciprocidade

Compartilhar

Os zoólogos, observando primatas em cativeiros, notaram a intensa troca de favores entre chimpanzés e com a intenção explícita de aumentar o leque de vantagens competitivas dos negociantes.
Não é diferente na sociedade dos primatas bípedes pelados, dos homo sapiens. Aproximamo-nos ou nos afastamos das pessoas na medida em que a relação que construímos com cada uma delas nos traga alguma vantagem ou não.

E não estamos apenas falando de interesse financeiro. Este é apenas uns dos muitos interesses que consideramos importantes. Mas existem muitos outros, tais como bom humor, capacidade de ouvir as pessoas, generosidade, solidariedade, lealdade, cultura, boa rede de relacionamentos etc.

Todo o tempo, nosso cérebro ancestral, uma parte muito primitiva da nossa massa encefálica e que não mudou nos últimos 10 mil anos, permanentemente esquadrinha o meio ambiente a procura de vantagens que garantam a sobrevivência individual, de sua prole ou grupo.
Este processo de busca de prerrogativas competitivas funciona para muito além da consciência, é uma ferramenta evolutiva característica dos mamíferos e faz parte do kit de preservação das espécies. Portanto, está presente na sociedade dos leões, das hienas, dos gorilas e dos humanos também.

Mas o indivíduo que busca vantagens, como em qualquer negociação, deve oferecer sempre algo em troca. Pessoas que nada tem a acenar, apresentando um comportamento vampirizador, rapidamente são identificadas e excluídas. Alguns sinais externos deste perfil comportamental são a autopiedade, mau humor, introversão, ciúmes, hostilidade gratuita, usura e incapacidade de se colocar no lugar do outro.

Cada um de nós, na nossa humilde opinião, deve tornar-se um epicentro de muitos valores de intercâmbio, compartilhados e disseminados, que se conduzidos com a ética tornará a sociedade humana cada vez mais forte, generosa, rica em valores, influência e poder gregário.


Compartilhar
Share on
Avatar
barbara julian